Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Má que jête?

Este mundo tá passado dos carretos ´moss!

Má que jête?

Este mundo tá passado dos carretos ´moss!

30
Dez16

Resoluções? Talvez uma...

Susana

Como já referi aqui o ano que passou não foi muito dado a resoluções por isso acho que não vou arriscar desta vez, vou ficar caladinha de deixar as coisas fluírem naturalmente assim pode ser que hajam surpresas.

A minha irmã disse para me focar numa apenas, eis a frase dela ''se não partires o telemóvel já é muito bom'' sem comentários 

30
Dez16

The OA

Susana

Já viram? Não? Apaixonei-me e mais não digo, vejam o trailer e tirem as vossas conclusões.

Disponível no Netflix com longos episódios de uma hora que nos fazem duvidar que se trate de uma serie e não de um filme, mas é das boas que nos prendem do principio ao fim.

 

 

 

27
Dez16

Saiam da frente que começaram os saldos

Susana

Cuidado para não serem atropelados se forem ao shopping hoje, é que começaram os saldos e a loucura é maior que a que vimos na Black Friday (portuguesa claro).

A melhor hora para ir é logo de manhã antes da multidão que acorda mais tarde, quando as lojas estão arrumadinhas, onde é fácil escolher o que se quer com calma de forma civilizada, se forem mais tarde...ui então preparem-se para entrar no meio de um caos assustador.

As lojas vão parecer que foram invadidas por uma manada de búfalos em fuga que mandaram ao ar tudo o que havia pela frente, torna-se impossível ver alguma coisa quanto mais comprar.

Os funcionários bem que tentam andar a dobrar roupa mas mal viram as costas e já alguém se encarregou de desdobrar tudo outra vez sem dó nem piedade.

Outro lado dos saldos a ter em conta são os preços, cuidado porque existem sempre lojas que sobem os preços na altura do Natal para depois os descer nos saldos acabando por enganar os mais desatentos.

Resumindo...boa sorte nestes saldos e boas compras.

 

ABERTA A ÉPOCA DOS SALDOS

 

 

24
Dez16

Afinal enfiei-me na cozinha

Susana

Eu não percebo nada de cozinha, nada, sou um zero à esquerda mas tenho que admitir que hoje bati o meu recorde pessoal de tempo passado na cozinha com as "mãos" na massa.

O meu pai está com gripe, a Juju está de folga, a minha irmã está a preparar a casa para nos receber e eu...pus o avental e limitei-me a seguir instruções, resumindo desde manhã que estou enfiada na bendita cozinha que eu tanto adoro.

Preciso urgentemente de ir para casa tomar um banho e tirar este maravilhoso cheiro de gordura de cima de mim.

O pior no meio disto tudo é que foram todos embora e deixaram-me com o peru "nos braços" o bicho é enorme e é suposto eu ir virando para não queimar, uma pessoa fica nervosa, o prato principal nas minhas MÃOS!!!

Então toca a ficar a mirar o bicho de cinco em cinco minutos com medo que queime, toca a virar pelo sim pelo não...aí a minha vida (só enquanto escrevo este texto já lá fui três vezes).

Bem para terminar, que tenho que ir cuidar no bicho, só quero desejar a todos um Feliz e Santo Natal seja ele calminho ou no meio do caos familiar o importante é estarmos com quem amamos.

Sejam felizes...

 

21
Dez16

Consoada?! Eu?! Cozinhar?! Eu?!

Susana

Na na na não estão a ver bem a gravidade da questão, eu não sei distinguir um ramo de salsa de um de coentros, não estou a brincar é mesmo verdade e é uma vergonha eu sei mas já aprendi a viver com isso.

O pior no meio disto tudo é que o meu pai é cozinheiro (temos um restaurante) a minha irmã é uma farmacêutica que podia também ser uma conceituada chef de cozinha e eu...eu sou a ovelha negra, a mais negra que pode haver.

Nos anos em que vivi em Lisboa sozinha o "desenrasca" matou-me a fome (e muito bem) fazer comida para mim é na boa mas para outras pessoas esqueçam.

Todos os anos no Natal três pessoas cozinham, o meu pai, a minha irmã e a cozinheira do nosso restaurante a querida Juju, já eu fico encarregue...de fazer o que me mandam ou seja basicamente transportar a comida do restaurante para a casa da minha irmã e todas as outras coisas que não envolvam confeccionar comida.

Todos temos uma tarefa a desempenhar, a minha é sempre correr de um lado para o outro com comida no carro (juro que dias depois o meu carro ainda cheira a peru).

É assim todos os anos e este espero que não seja diferente, a malta vai estar stressada até ao momento que se sentam todos à mesa, depois...hum depois começa o melhor de tudo e dura até de madrugada.

21
Dez16

Natal e prendas

Susana

O orçamento que uma desempregada dispõe é muito reduzido, isto para usar palavras menos drásticas, por isso há que ser imaginativa.

Sempre gostei de oferecer coisas engraçadas, quero lá saber de história de oferecer coisas que façam falta, gosto de trazer a criança que há em mim cá para fora brincar e o Natal é uma dessas alturas, não foi de propósito mas apercebi-me as prendas que comprei até agora são brinquedos e desses apenas um é para uma criança... Ups. É verdade fartei-me de rir sozinha mas eu sou assim uma eterna criança e sei que os adultos vão adorar porque apesar de tudo são coisas que não comprariam para eles porque existem sempre outras prioridades.

Três dias, apenas três dias e estamos lá na grande noite a enfardar que nem doidos, a rir, a conversar à lareira... Os meus olhos vão brilhar porque o Natal tem um significado especial, já foi uma noite de tristeza pela falta de uma pessoa muito importante mas voltou a ganhar toda a magia perdida com a chegada de uma pessoinha muito especial e por isso serei sempre criança com muito orgulho...

19
Dez16

Tudo o que não fiz este ano

Susana

Chega o final do ano e é ver o pessoal a fazer listas do que querem mudar no novo ano, eu não sou excepção a diferença é que não fiz nada do que me propus a fazer.

Comecei pela natação super entusiasmada duas vezes por semana antes da oito da manhã lá ia eu, durou uns meses até que me fartei e passei para o ginásio, queria mesmo perder peso por isso insisti,até que uma lesão me fez parar umas semanas, recuperei rapidamente da lesão mas não voltei ao ginásio, fui adiando, até hoje.

Pelo meio vou fazendo dietas que durante pouco mais que duas semanas voltando sempre a atacar a comida com a mesma paixão de sempre.

Posto isto a primeira alínea da lista deste ano pode ser considerada nula, não perdi peso, não adoptei um estilo de vida mais saudável. Não estou nada orgulhosa de mim e só me apetece queimar a lista, aliás vou mesmo queima-la, consigo imaginar a minha família a tocar o sino atrás de mim gritando a terrível palavra...SHAME! SHAME!

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me por aqui

Goodreads

Blogs de Portugal

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Links

  •  
  • Facebook

    Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2016
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2015
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2014
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2013
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D